SAE de Infectologia realiza ação de conscientização sobre Hepatites Virais nesta quinta-feira, 27

No dia, vários balões amarelos estarão espalhados pelo Serviço para fazer o alerta da doença e serão discutidas ações permanentes de luta contra as Hepatites Virais na região

Redação Diário | Diário Botucatu

O Serviço de Ambulatórios Especializados em Infectologia “Domingos Alves Meira”, mantido pela Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar (Famesp), realizará nesta semana mais uma etapa das ações para divulgar o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais (28 de Julho) e Julho Amarelo, mês em que se concentram as ações contra essas importantes doenças.

A primeira ação foi a Campanha de Esclarecimento à População que teve como objetivo informar a necessidade da testagem para Hepatites B e C; os riscos dessas doenças sem o diagnóstico precoce e como é feita a prevenção. Essa campanha foi divulgada em mídias sociais (Facebook e Twitter), além de ter coberturas das TVs, Jornais e Rádios da região. Acesse o site da campanha e saiba mais em: https://goo.gl/8xqafx

Já no dia 27 de julho, a partir das 10 horas, na sede do SAEI será realizado um café da manhã de conscientização, com representantes da Famesp, parceiros da campanha e público geral. “No dia, vários balões amarelos estarão espalhados pelo SAEI para fazer o alerta da doença e serão discutidas ações permanentes de luta contra as Hepatites Virais em nossa região”, afirma o diretor de assistência do SAEI, Dr. Alexandre Naime Barbosa, um dos resposáveis pela supervisão das ações, juntamente com a diretora técnica do SAEI, Leonice do Rosário de Souza; enfermeira administrativa, Karina Alves de Oliveira e a enfermeira assistencial, Luciele Ferreira Daltin.

Durante os dias  27 e 28 de julho, o SAEI realizará testagem sorológica, em sua sede, das 8 às 16 horas. O exame é feito através da coleta de sangue para identificar possíveis doenças como: HIV, VHB, VHC e Sífilis. O resultado, que é altamente sigiloso, fica pronto em 10 dias. Caso o resultado seja positivo, a pessoa será convocada via telefone para orientação no próprio SAEI.

De acordo com Naime, o objetivo principal das ações é informar a população sobre a doença. “Essa campanha esta sendo realizada para orientar as pessoas sobre as Hepatites B e C. Precisamos divulgar a forma de prevenção, diagnóstico e a doença”, relata.

A campanha conta com o apoio da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB), Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), ONG C Tem Que Saber, C Tem Que Curar, Programa Municipal de DST /Aids Hepatites Virais de Botucatu, Sociedade Brasileira de Infectologia, Centro de Testagem e Acolhimento –CSE Botucatu ,Grupo de Vigilância Epidemiológica (GVE 16)- Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo e da Liga de Infectologia de Botucatu .

A doença: Existem cinco tipos principais de Hepatite: A, B, C, D, E,. Especialmente os vírus B e C podem causar infecção crônica do fígado, levando à cirrose e câncer do fígado em muitos casos. O grande perigo é que na maioria das vezes a doença não exibe sintomas durante anos, e quando o paciente inicia as manifestações clínicas o estado de comprometimento já é avançado. Por isso a importância de todos fazerem o teste para o diagnóstico precoce e tratamento, que chega a curar cerca de 90% dos pacientes.

Serviço:

Serviço de Ambulatórios Especializados de Infectologia “Domingos Alves Meira”

Local: Alameda dos Cedrinhos, 54, s/n – Distrito de Rubião Junior

Telefone: (14) 3811-6537

E-mail: saedeinfectologia@fmb.unesp.br

Veja também: