QUEM PODEM SER OS LÍDERES MUNDIAIS QUE VÃO DIALOGAR OLHO NO OLHO COM DONALD TRUMP?

Redação Diário | Diário Botucatu
Pedro Manhães
Análise, Política & Sociedade

O medo de uma aldeia globalizada e atordoada pela fome, pela corrupção e pelo terrorismo.

E no meio de toda essa confusão planetária, comanda o país mais rico do mundo, um dos homens mais ricos do mundo.

E tem muito país pobre devendo dinheiro e favores para os Estados Unidos.

E muito país considerado rico e desenvolvido vivendo essa mesma situação.

Os meio emergentes – hoje meio decadentes – dependem demais das trocas comerciais para falar com Ele de cabeça erguida.

Merecia até uma faixa assim no meio da passeata pela Paz e por um Planeta Sustentável – este que Trump não reconhece como sendo importante – seguradas por um casal consciente de que a vida em sociedade nesta bola azul chamada Terra depende muito das decisões de nossos líderes mundiais de hoje.

“Não é pelos 30 centavos”.

É pelos bilhões de dólares e de vidas envolvidas nessa trama planetária em busca de poder e dinheiro fácil, doa a quem doer.

Pois é.

E quem serão os líderes mundiais capazes de dialogar com homens como Trump, como Putin, como o gordinho da Coreia do Norte.

A Europa não tem hoje um líder que represente o pensamento majoritário do continente. Aliás, todo mundo ficou de cabeça baixa quando Trump cobrou a conta do orçamento da OTAM, que prevê que 2% do PIB das 28 nações seja investido em equipamentos militares.

O problema, segundo Trump, é que só 3 ou 4 desses países estão em dia com suas obrigações de gastos em equipamentos de Defesa.

Veja também: