Duplicação da SP 255 emprega mais de 1.000 pessoas na região

AG Consórcio Rodo Avaré
Obra no dispositivo de acesso e retorno do km 258 – principal entrada no município

Uma obra tem mudado a paisagem e a vida dos moradores de uma das principais estâncias turísticas do sudoeste paulista. Estamos falando da duplicação do trecho urbano da Rodovia João Mellão (SP 255), em Avaré, que acontece desde maio de 2016.

Atualmente, a duplicação entre o km 254,2 e km 261,4 está empregando mais de 1.000 pessoas. São engenheiros, técnicos de segurança do trabalho, operadores de máquinas, pedreiros, carpinteiros, etc.

E de onde vem essas pessoas? Mais de 90% são da cidade de Avaré. Isso significa que a renda gerada pela empregabilidade da obra está circulando pelo município, aumentando as vendas do comércio local. São mais carros abastecidos, mais alimentos comprados e mais casas alugadas.

Nilson Jesus Coutinho de Assis, que é avareense e tem 29 anos, estava desempregado há 3 meses antes de começar a trabalhar como pedreiro nas obras da SP 255. “A duplicação aqui na cidade está sendo muito boa, pois tinha bastante gente precisando trabalhar, inclusive eu. Depois que a obra ficar pronta, vou poder dizer para o meu filho que ajudei a construir tudo isso”, conta, orgulhoso.

Além da vida de Nilson, a obra também modificou a rotina de alguns estudantes de engenharia civil da cidade. Oito alunos de uma faculdade do município de Avaré estão trabalhando na duplicação da Rodovia João Mellão.

Segundo Leonardo Pires, 25 anos, foi uma oportunidade única, visto que já está último semestre da graduação. “Estava muito difícil conseguir trabalho nessa área, pois não existem muitas obras na região. Por esse motivo, eu só tenho a agradecer”, afirma.

Veja também: