Associação ministra aulas gratuitas de karatê em Botucatu

Encontros da AKAB são realizados em diversos locais da cidade. Equipamentos também são dados às crianças e adolescentes

Reprodução
Aulas são ministradas em vários locais da cidade

Quão bom seria aprender uma arte marcial e praticar atividade física de maneira gratuita? Pois a AKAB – Associação de Karatê de Botucatu ministra aulas em diversos locais de Botucatu sem custos. Além disso, todo o material, como o kimono, são cedidos aos interessados. [Veja o local e horários das aulas abaixo]

O foco do projeto, que existe desde 2008, são crianças de 6 anos e adolescentes até os 17. “A gente abre a porta para novos alunos que querem começar no karatê e dar suporte aqueles que já praticam”, diz o diretor de esporte da associação, Edison Rodrigues.

Sidney Trovão
Bruno Simonazzi afirma que objetivo maior da AKAB é “formar cidadãos”

O intuito da associação é trazer a criança e o adolescente para o esporte, através de projetos. E além de levar as crianças para competições, outro objetivo é formar o cidadão. “A criança e o adolescente, além de estar praticando um esporte e uma atividade física, um meio de defesa pessoal. O objetivo maior dos professores é formar o cidadão. Prepará-los para a vida lá fora. Tirar as coisas ruins, droga, por exemplo”, diz Bruno Simonazzi, presidente da AKAB.

De acordo com ele, é importante para a pessoa que deseja praticar karatê que busque lugares oficiais com professores de boa formação. E isso a AKAB disponibiliza. Alguns atletas da associação já disputam campeonatos grandes e possuem um bom currículo que lhes tornam competentes para ensinar aos mais jovens. “Estamos há mais de 20 anos praticando o esporte. Somos formados em educação física também. Então é um projeto de responsabilidade”, garante Simonazzi.

“Temos atletas que vão representar Botucatu na Argentina, no Sulamericano da categoria. E conseguimos classificar três caratecas na seletiva do Paulista da modalidade”, afirma Edison Rodrigues, diretor de esporte da associação.

E os gastos são todos bancados pela Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria de Esportes e Promoção de Qualidade de Vida. “Temos gastos com viagens, transporte, alimentação, inscrição de campeonatos. E o objetivo de formar a AKAB foi para criar um convênio com a Prefeitura e formalizar o projeto”, conta Simonazzi.

E a AKAB não para de crescer. Com a nova parceria do SESI, já são cerca de 200 alunos entre todos os horários das aulas. “A adesão só aumenta. A tendência é crescer agora que o karatê se tornou um esporte olímpico. A cada dia que passa, mais jovens aderem à arte marcial”, diz o presidente.

A perspectiva é não encerrar o projeto. Com a diretoria sendo trocada de dois em dois anos, os novos membros sempre tentam buscar o seguimento da AKAB. “A gente quer, gradativamente, crescer mais e mais, abrir mais projetos. Estamos ainda engatinhando, mas o objetivo é não parar”, salienta Simonazzi.

Sidney Trovão
Expectativa é de trazer atletas internacionais para palestrar em Botucatu, segundo Edison Rodrigues

A nomeação do sensei Vicente Senno, vice-presidente da associação, como delegado da região mostra o reconhecimento da força do esporte da cidade. “Ele será responsável por cerca de 20 cidades da região. É um privilégio reconhecido. Isso somente vem somar para a cidade”, afirma Rodrigues.

E a cidade também pode esperar grandes novidades para 2017. Com o novo delegado, Botucatu vai receber cursos internacionais, gratuitos, com atletas de nível internacional. “Não só para o karatê, mas para o meio esportivo é muito bom. Porque muitos atletas vêm visitar a cidade. No passado, isso era inimaginável. Mas ainda não há datas. Precisamos nos programar”, conta o diretor.

Serviço

Locais e horários das aulas

Ginásio Municipal (R. Maria Joana Félix Diniz, s/n – Jardim Ipiranga)
Terças e quintas
9h às 10h30, das 15h às 16h30 e das 19h às 20h30

SESI (R. Dr. Célso Cariola, 60 – Conj. Hab. Eng. Francisco Blasi)
Segundas, quartas e sextas (a partir de abril)
9h às 10h30

Associação Atlética Botucatuense – AAB (R. Getúlio Júlio Marcondes Salgado, 411 – Centro)
Segundas, quartas e sextas-feiras
18h às 19h30 (para crianças) e das 19h30 às 21h (adultos)

Igreja Assembleia de Belém – Bairro Maria Luiza
Sábado
9h às 10h30

Ainda sem horários e datas definidas

Projeto preservando o futuro (R. Silvio Trevisani 180, Jd. Botucatu, Rubião Júnior)

CRAS – Centro de Referência de Assistência Social (Rua Turma Seis, s/n° Distrito de Vitoriana)

Reprodução
Atletas da AKAB disputam campeonatos pelo país