Um bate papo com a professora Gislaine Gonçalves, coordenadora pedagógica da Escola Municipal Jonas Alves de Araújo

Redação Diário | Diário Botucatu

O QUE É SER UMA  PROFESSORA DE ESCOLA PÚBLICA  NO BRASIL DE HOJE?

” É acreditar que tudo pode ser melhor, que as coisas vão acontecer, acreditar no nosso país, no nosso futuro. É possível fazer um grande trabalho na escola pública. É na escola pública que nós temos que trabalhar mais. Nós precisamos fortalecer a escola.  A grande maioria das crianças brasileiras está dentro delas.”

A ESCOLA CHEIA DE GENTE QUE FAZ PARTE DA COMUNIDADE…

“Foi gratificante, uma sensação maravilhosa, a de ver tanta gente se movimentando e trabalhando para que as nossas crianças tivessem três dias especiais na Semana da Criança. Foi lindo ver o olhar, o sorriso das pessoas: tanta gente da comunidade se mobilizando em função de um projeto da nossa escola. A sensação é de dever cumprido.”

O BOM PROFESSOR PRECISA TER CREDIBILIDADE NO BAIRRO EM QUE ATUA

“Um dos nossos professores – o Wagner Ginguelo – atuou nos contatos com comunidade. Com essas parcerias conseguimos movimentar toda a escola e tivemos – como sempre – o apoio de todos os professores e funcionários, que se envolveram bastante. Não foi uma parceria para uma semana. Vai ser uma parceria por muito tempo.”

SE A COMUNIDADE APOIA, FICA MUITO MAIS FÁCIL…

“Nós temos muito apoio dos pais e da comunidade. Isso faz muita diferença no trabalho da escola. A participação da comunidade na escola é necessária. Nós percebemos claramente o tempo todo que, com a participação dos pais e da comunidade, fica sempre bem mais fácil trabalhar dentro da sala de aula.”

 

Veja também: