Passeio neste sábado abre a 6ª semana do bebê

Com o tema "Um mundo mais real e menos digital" semana contará com palestras e diversas atividades

Rachel Cury: "No sábado esperamos toda população para participar do passeio e das atividades na Praça Rubião Júnior"Sidney Trovão
Rachel Cury: “No sábado esperamos toda população para participar do passeio e das atividades na Praça Rubião Júnior”

Neste sábado (5) será realizado o tradicional Passeio dos Bebês, evento que marca a abertura da 6ª edição da Semana do Bebê. A concentração será na Rua General Telles, em frente à sede do Fundo Social de Solidariedade, o horário marcado é a partir das 8h. A previsão de saída é às 9h. Os participantes vão caminhar pela Avenida Dom Lúcio até chegar a Praça Rubião Júnior. Os motoristas devem estar atentos, pois o trânsito deverá sofrer interdição momentânea.

“O passeio é o início, é para chamar a atenção da população para todas as atividades que vão acontecer ao longo da semana. Nós vamos encerrar o passeio na Praça Rubião Júnior, em frente a Catedral, com diversas atividades para as crianças, bebês e familiares. Vai ter teatro, circo, ioga, brinquedo enfim uma série de oficinas e atividades”, conta Rachel Cury, presidente do Fundo Social de Solidariedade.

Pela primeira vez, esse ano não será realizado o concurso fotográfico. “O concurso era uma forma da gente trazer até o Fundo Social as mães e familiares desses bebês, que iam levar as fotos para o concurso, mas nosso objetivo na verdade era convidar e divulgar as atividades da semana do bebê. Hoje nós percebemos que já não precisávamos mais dessa ferramenta para atrair o público”, destaca Rachel.

A cada ano, a Semana do Bebê é realizada com uma temática diferente. Em 2016, o tema que norteará as atividades é “Um mundo mais real e menos digital”, tendo em vista que as crianças têm acesso cada vez mais cedo a tecnologia e as telas e com isso estão deixando de lado uma fase importante de seu desenvolvimento.

“Nós estamos vendo essa nova geração de adolescentes, que já foi submetida desde muito cedo a diversas telas, que as consequências são perigosas. Nós não estamos aqui para falar que isso não serve, que isso não é legal, mas sim que é preciso moderação, quais são as consequências dessa utilização de forma excessiva”, explica Rachel.

As atividades da Semana do Bebê

A abertura oficial da Semana do Bebê ocorrerá no dia 7 de novembro (segunda-feira), às 19 horas, no salão nobre do Colégio Santa Marcelina, com uma apresentação teatral seguida de palestra ministrada pela Dra. Maria Auxiliadora Gabarra, com o tema “Um mundo mais real e menos digital”. O evento também contará com a apresentação da Orquestra Jovem do projeto “Musicalizando”, do Joanna de Angelis.
“A Dra. Maria Auxiliadora é nossa parceira desde a primeira edição da Semana do Bebê. Ela nos ajuda com as questões mais técnicas. Além das atividades no sábado, na segunda (7) teremos uma palestra que será apresentada através de esquetes teatrais. Essa palestra é aberta a todas as pessoas que tem algum vínculo com essa primeira infância, seja pelo trabalho, ou porque tem um filho, irmão, sobrinho nessa fase”, afirma Rachel Cury.
No dia 8 (terça-feira), a partir das 19 horas, na Sala de Teleconferência da Secretaria de Educação, será realizada uma palestra e um debate aberto ao público sobre o tema da Semana do Bebê com a participação de profissionais renomados e a pediatra Dra. Maria Auxiliadora Gabarra, como mediadora.
“Na terça nós convidamos o professor Valdemar W. Setzer, que é titular do Departamento de Ciências da Computação da USP e também o Dr. Caio César Benetti Filho, que é neuropediatra para uma mesa redonda. Eles são convidados com muito conhecimento nessa área, acho que eles têm muito a acrescentar nessa discussão”, finaliza Rachel Cury.
A primeira criança nascida de parto natural, a partir da zero hora do dia 7 de novembro, será acompanhada por uma equipe multidisciplinar da Prefeitura (educação, saúde e assistência social) pelo período de dois anos.