Confira dicas para vender mais na Black Friday

Vendas na última sexta-feira do mês devem atingir R$ 2,1 bilhões; ainda dá tempo para o empresário se planejar para aproveitar a data

black-fridayReprodução

As promoções com apelo da Black Friday já começaram em algumas lojas, mas a ação ocorre mesmo no dia 25 de novembro este ano, última sexta-feira do mês. Para quem ainda não se programou para a data, ainda dá tempo. Mas o empresário precisa de muito planejamento para evitar gafes e o aborrecimento dos clientes. Isso porque a ação no Brasil ganhou má fama com as ofertas pela “metade do dobro” e gera desconfiança dos consumidores.

A data esperada pelo varejo e pelos consumidores tem expectativa positiva. Pesquisa realizada pela Ebit, empresa especializada em informações do comércio eletrônico, aponta que o faturamento somente na sexta-feira deve chegar a R$ 2,1 bilhões, uma cifra 30% maior que a registrada no ano passado. Prova que a data não deve ser ignorada pelo varejo é que 44% das aquisições devem ser feitas com o intuito de antecipar as compras de Natal.

A consultora do Sebrae-SP, Cássia Godinho, destaca que o empresário precisa fazer uma estimativa de quanto ele pretende vender, quais devem ser os produtos mais buscados, conhecer os desejos e as necessidades do público-alvo e estar pronto para entregar o que foi prometido.

Um dos desafios é controlar o estoque. Segundo a consultora, toda empresa que vende produtos precisa conhecer a Curva ABC. Os itens “A” são os mais vendidos, que sustentam a loja e têm o maior impacto nas vendas da empresa. Os itens “B” vendem bem, têm uma margem melhor, mas não chegam nem perto do quanto o “A” representa no faturamento.

Já os itens “C” vendem pouco por mais que o empresário tente fazer promoções. “O empresário precisa decidir estrategicamente o que ele vai colocar em promoção e precisa preparar o estoque adequadamente”, afirma Cássia.

Dicas para o lojista aproveitar a Black Friday

  • Defina se a participação será virtual, no ponto físico ou em ambos
  • Faça um planejamento detalhado sobre quanto pretende vender, itens mais procurados e quem é seu público-alvo
  • Jamais crie falsas promoções ou conceda descontos irrisórios
  • Utilize as redes sociais para vender mais. Comece a avisar os clientes que a loja terá promoções
  • Cuidado com a entrega dos produtos. É preciso estar preparado para o pico de vendas
  • Não descuide do atendimento e aproveite a data para conquistar novos clientes